sábado, 2 de outubro de 2010

Banco de Dados MySQL


Banco de Dados MySQL



Em algumas ocasiões é interessante fazer consulta a um banco de dados para prover algum conteúdo dinâmico, atualizado. Isso é muito fácil utilizando páginas em PHP.

Um banco de dados em MySQL é composto por tabelas, contendo fichas que contém diversos campos. Repetindo: cada tabela contém um grupo de fichas. Cada ficha é composto por diversos campos. O banco de dados mais simples poderá ter apenas uma tabela.

Um exemplo típico de uma tabela é a que contém fichas de cadastro. Os campos na ficha poderão ser, por exemplo: id, login, senha, nome completo, rua, número, complemento, bairro, cep, cidade, estado, país, telefone, celular, nacionalidade, naturalidade, cpf, rg, sexo, conjuge, data de nascimento, etc. etc. conforme a aplicação.

Como pode ser observado, os diversos campos podem ser compostos por tipos de informação diferentes. Os tipos mais comuns são: int (usado para números inteiros), float (ponto flutuante), double (ponto flutuante dupla precisão), date (datas), var char (texto).

Uma dica que eu aprendi depois de criar vários bancos de dados, é que fica mais fácil encontrar e editar os dados posteriormente se o primeiro campo for um índice numérico, auto-crescente.

Agora eu normalmente coloco um "bigint", "auto increment", como o primeiro campo, e depois utilizo este valor quando eu quero editar e salvar modificações no banco de dados. Anteriormente eu utilizava um campo como o nome ou login para indexar o banco. Mas em algumas ocasiões é conveniente modificar o login, e nestes casos, o comando de substituir ("REPLACE") não funciona mais, e acaba criando uma nova ficha. Se usarmos um índice auto-crescente, não podem existir 2 índices iguais, e podemos utiliza-lo para fazer a substituição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário